Copa HB20: Luís Ornelas

FB_IMG_1554907194706

Luís Ornelas em momento de tietagem a Felipe Massa no autódromo de Interlagos: depois de uma fase dedicada ao kart, o desafio inédito no automobilismo com a Copa HB20.

CASCAVEL – As características do pacote técnico e desportivo formatado pela H Racing para a Copa HB20 atraíram diferentes grupos de pilotos para a mais nova categoria do automobilismo brasileiro. Alguns deles que inclusive não tinham contato com as pistas de corridas havia algum tempo, caso do paulista Luís Ornelas.

Frequentador assíduo do ambiente das competições, Ornelas direcionou a primeira fase de sua carreira ao kart. Foi campeão paulista, disputou o Brasileiro e se afastou das pistas. Atraído pelo lançamento da categoria monomarca da Hyundai, que terá as primeiras corridas da primeira etapa no sábado e no domingo em Campo Grande, fez alguns treinos e disputou uma prova de turismo em Piracicaba na semana passada, conquistando o terceiro lugar na categoria Marcas B.

Um dos trunfos de Ornelas para esta primeira temporada na Copa HB20 será o coaching de Alexandre Souza, atual campeão paulista de Marcas e três vezes campeão da categoria no ECPA – os dois foram e são adversários no kart, também. O carro terá o número 55 e os logos de PowerClean, Zunky Rodas, Schuck, Motorkote e Gammaplast.

Anúncios

Copa HB20: Marcelo Zebra

FB_IMG_1554811735986

Marcelo Zebra no pódio da Fórmula Inter paulista, categoria à qual se dedicou nas três últimas temporadas. Desafio agora é na Copa HB20.

CASCAVEL – Se na pista a perspectiva é de competitividade extrema na primeira temporada da Copa HB20, nos bastidores da nova categoria do automobilismo brasileiro o título hipotético de piloto mais irreverente do grid parece ter um favorito destacado. O irrequieto Marcelo Zebra também estará na pista a partir deste fim de semana em Campo Grande, palco das corridas da primeira etapa, integrando o campeonato monomarca da Hyundai. O HB20 verde-alaranjado de Zebrinha terá o número 13 e os logos de Acelera Motor, Sportflix e Sparco.

A paixão de Zebrinha pelo automobilismo vem desde a infância. Também pudera: o vizinho de frente era Bird Clemente, e o do lado era Zeca Giaffone. “Passava horas com o Zequinha e o Felipe fuçando na oficina dos Stock Car da década de 70”, ele lembra. Não haveria como não ser picado pelo mosquito das competições. Na primeira, em 1985, foi quarto colocado numa prova de jipes com mais de 100 inscritos. Depois, disputou 11 edições do Rally dos Sertões, onde foi campeão em 2001 pela equipe de fábrica da Subaru e, o que ele considera ainda mais importante, tricampeão do Troféu Espírito do Rally – é o único da história a ter recebido esse prêmio três vezes.

A atuação off-road foi interrompida por um acidente grave em 2004 e o retorno ao ambiente de competições aconteceu em 2010, quando, a convite de um amigo piloto, ingressou na Copa Clássicos de Competição. Foi tricampeão paulista de 2010 a 2012 e bicampeão piracicabano em 2012 e 2013. Em 2014 foi embora para os Estados Unidos e voltou ao Brasil para integrar o projeto que levou à implantação da Fórmula Inter, categoria paulista em que compete há três temporadas.

Copa HB20: Kleber “Eletric” Barcellos

IMG-20190408-WA0102

Kleber Eletric fez uma participação no Porsche Império Carrera Cup no ano passado e prepara-se para uma temporada completa na Copa HB20 em 2019

CASCAVEL – Duas vezes campeão brasileiro de kart, uma no campo amador e outra no profissional, esta última em 2018, Kleber Eletric Barcellos será mais um dos nomes no grid da nova Copa HB20. A categoria da Hyundai, que terá suas primeiras corridas sábado e domingo em Campo Grande, será a terceira da carreira do piloto paulista de 37 anos.

Eletric (que obviamente é apelido) já disputou o Campeonato Paulista de Marcas & Pilotos e, no fim do ano passado, fez uma participação no Endurance Series do Porsche Império Carrera Cup, em Interlagos. Seu envolvimento com a Copa HB20 não se restringe à participação como piloto: foi sua empresa quem fez o trabalho de comunicação visual de todos os 20 carros que estarão na pista a partir de sexta-feira na capital sul-mato-grossense.

O Hyundai HB20 de Kleber Eletric terá o número 70 e os logos de seus patrocinadores Eleven Blindados, HB Automotive Aditivos, Motorkote, Audiophonic, AMK Viagens, One Pay e Auton App.

Copa HB20: Edgar Colamarino

IMG-20190409-WA0161

Edgar Colamarino tem 25 anos, nasceu em Curitiba e mora em São Paulo. Cumprirá na Copa HB20 sua segunda temporada como piloto de automobilismo.

CASCAVEL – A primeira temporada da Copa HB20 vai marcar a consolidação da trajetória de Edgar Colamarino como piloto de automobilismo. Aos 25 anos, o piloto de São Paulo – que nasceu em Curitiba – cumprirá na categoria da Hyundai, que abrirá sua temporada na tarde de sábado em Campo Grande, sua primeira temporada completa no esporte.

Edgar é daqueles garotos que sempre alimentaram o sonho de correr de carro. Por questões pessoais, aguardou a oportunidade que chegou só em 2017, quando fez o curso de pilotagem. No ano passado Edgar disputou três etapas do Endurance Brasil, as 500 Milhas de Londrina e os 500 Quilômetros de Interlagos, sempre com um protótipo Spyder da equipe de Leandro Totti – fomos companheiros de equipe na prova de dezembro em São Paulo, inclusive.

O Hyundai HB20 de Edgar Colamarino terá o número 5.

Copa HB20: Diego Augusto

IMG-20190409-WA0094

Diego Augusto com a esposa Diana no pódio do Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo: desempenho na Copa Gol foi determinante para a entrada na Copa HB20

CASCAVEL – A primeira etapa da Copa HB20, que terá suas duas corridas nas tardes de sábado e de domingo no Autódromo Internacional de Campo Grande, será também uma oportunidade de rever os parceiros de pista. Um deles é o Diego Augusto, de Barueri, que vai disputar a temporada como titular do Hyundai número 44.

Diego iniciou sua carreira no kart de Itu, em 2005. Fazia muitos treinos e poucas corridas, como forma de adquirir mais quilometragem com menos investimento – a fórmula é bastante sagaz, havemos de convir. Em 2008 migrou para o automobilismo, defendendo a Arias Competições no Campeonato Paulista de Marcas & pilotos. “Bati rodas com o Wanderson Freitas algumas vezes”, conta, orgulhoso de ter enfrentado o hoje bicampeão da Turismo Nacional.

Em 2009 conquistou o título paulista da classe Light. No ano seguinte, formando dupla com Zigomar Júnior, chegou a ocupar a vice-liderança do Paulista, mas teve de interromper a participação por conta do incêndio que destruiu uma das empresas da família.

Voltaria a disputar corridas no ano passado, no campeonato de Marcas da Liga Desportiva de Automobilismo. Foi segundo colocado na estreia, em vitória do mineiro Wilton Pena, e decidiu se inscrever nas 100 Milhas de Piracicaba. Formou dupla com Rodrigo Tavares e foi segundo colocado na categoria Marcas A, em mais uma vitória do Rodrigo Stefanini – corri sozinho, tal qual o Rodrigo, e fiquei em terceiro entre os sete inscritos na nossa categoria. Sua trajetória em Piracicaba teve sequência na Copa Gol. Disputou uma corrida em cada uma das três etapas e foi segundo colocado nas três. “Achei que fui bem numa pista nova e com um carro diferente. Foi o que me deu essa coragem de ingressar em um Brasileiro”, conta.

O carro de Diego Augusto terá as logos dos apoiadores Long One Energy Drink, Pravda Café Bistrot, IOW Colando Ideias, Grupo Toys-Mini Toys e Vitamina Bistrot. E um novo visual a partir da segunda etapa, dias 1º e 2 de julho em Londrina.

Copa HB20: Siqueira/Viscardi

011c

Sandro Siqueira no dia de seu primeiro pódio no automobilismo. Luciano Viscardi, seu atual parceiro na Copa HB20, estava em Interlagos como torcedor.

CASCAVEL – Como já mencionado aqui no blog, a Copa HB20, que começa sábado em Campo Grande, vai proporcionar algumas estréias no automobilismo. Algumas em dupla, como é o caso dos paulistas Luciano Viscardi e Sandro Siqueira, que vão revezar a pilotagem do carro número 11.

Siqueira está iniciando sua trajetória no automobilismo. Fez o curso de pilotagem há um ano no centro técnico de Roberto Manzini e disputou algumas etapas da categoria Clássicos de Competição no Campeonato Paulista de Automobilismo, onde conquistou pódio na estreia, como terceiro colocado.

Viscardi baseou sua carreira no kart, onde teve a primeira fase da trajetória de 1995 a 1997. Retomou atuação em 1999, quando foi quinto colocado nas 500 Milhas da Granja Viana e vencedor da classe B. De 2002 a 2006 dedicou-se às ações de pista promovidas pelo Porsche Club Brasil. Voltou ao kart na Copa SP da categoria Stock 125, sendo vice-campeão de 2012 na categoria Sênior. Em 2013, conquistou o título do Budweiser Haute Kart Challenge. Em 2017, outro vice-campeonato, desta vez na categoria Thunder Light das 500 Milhas de Kart. Atualmente disputa a categoria Rok Executive da Copa SP, formando dupla com Thiago Riberi – que, aliás, atuará como coach da dupla no campeonato da Hyundai.

O HB20 de Viscardi e Siqueira terá as logos dos patrocinadores Grupo Memorial, Mapfre, Hidropav, Lumaseg, TPS-The Post Store e She Said Jazz.

Copa HB20: Eduardo Doriguel

FB_IMG_1554374668645

CASCAVEL – Quase toda categoria de automobilismo que se preze precisa ter o número 33 na pista. Uma tradição que segue com Nelsinho Piquet na Stock Car, Pablo Alves na Turismo Nacional, Adriano Rabelo no Mercedes-Benz Challenge, Dominique Teyssèyre no Porsche GT3 Cup. Puxando pela memória, falta o carro 33 na Stock Light, e também na Copa Truck. Logo alguém adota.

A Copa HB20 não se faz exceção à regra. Eduardo Doriguel, que cumpre em 2019 sua décima temporada como piloto de automobilismo, é quem vai pilotar o carro 33 na temporada que começa neste fim de semana em Campo Grande. Sempre focou sua trajetória no automobilismo paulista, com ênfase na categoria Marcas & Pilotos, onde atuou na pista e nos bastidores, como diretor de associação de pilotos. Fez participações na Classic Cup e em provas de longa duração, também.

A Copa HB20 será o primeiro campeonato brasileiro completo da trajetória de Doriguel, que em 2019 também estreou na Turismo Nacional. E, para garantir que a tradição do 33 terá sequência no âmbito familiar, esse é também o número com que Luiz Henrique, seu filho, tem se apresentado no kart já há duas temporadas.