Copa Truck com 20 caminhões

CASCAVEL – Uma semana de novidades no automobilismo brasileiro. Uma delas, a estreia do Campeonato Brasileiro de Turismo 1600, com a primeira etapa aqui em Cascavel. Uma categoria que devolve ao âmbito nacional, depois de duas décadas, a disputa entre pilotos de carros com motores 1.6 fabricados no Brasil – o regulamento admite, na verdade, todos os modelos produzidos no Mercosul. Falei da categoria dias atrás em meu blog na página da Revista Racing e também no espaço que o Jorjão Guirado me abriu no Portal CATVE.

A outra novidade do nosso esporte sobre quatro rodas tem seis: é a Copa Truck, que dá largada à sua primeira temporada em Goiânia, em uma programação de pista conjunta com a da terceira etapa da Copa Centro-Oeste de Marcas & Pilotos. O autódromo vai acolher, ainda, um evento organizado pelo Planeta Caminhão que vai reunir centenas de caminhoneiros e suas “naves” no autódromo, com direito a premiação aos participantes e tudo mais. O primeiro grid da Copa Truck será composto por 20 caminhões de seis marcas.

COPA TRUCK - AM MOTORSPORT

Os caminhões de Wellington Cirino e André Marques, que vão competir pela AM Motorsport, única equipe da Copa Truck a inscrever caminhões Mercedes-Benz nesta primeira etapa da temporada

A RM Competições terá seis caminhões Volkswagen-MAN no grid, um a mais que quando atuava na Fórmula Truck. Em Goiânia, a equipe promove a estreia dos paulistas Vinicius Palma e Rodrigo Belinatti, pilotos que tiveram formação automobilística na Spyder Race. Renato Martins, decano das corridas de caminhões no Brasil, deixa de ser só chefe de equipe e volta a pilotar, tendo ainda a esposa Débora Rodrigues, David Muffato e Adalberto Jardim como companheiros de equipe. Felipe Giaffone, titular da RM, não participa da etapa goiana, em que terá Palma como substituto. O tetracampeão brasileiro estará em Indianápolis como comentarista da Band na transmissão da Indy 500.

São quatro, em princípio, os Scania no grid. Um deles é o da RVR Motorsport, equipe de Roberval Andrade que mantém a parceria com o Sport Club Corinthians Paulista. Danilo Dirani, de volta às corridas de caminhões depois de três anos, é o titular. Andrade, dono de dois títulos brasileiros, deverá assumir um segundo caminhão do time na sequência da temporada – por ora, corre com o Iveco da Dakarmotors, equipe de Carlos “Paraguai” Assis pela qual já competiu em parte da última temporada da Fórmula Truck. Outros dois caminhões Scania estão na Luhrs Motorsport. São os Scania que integravam a equipe de Pedro Muffato, desativada ao fim da última temporada. Um modelo de cabine frontal, o chamado “cara-chata”, é pilotado pelo catarinense Joel Mendes Júnior. Outro, de motor avançado, ou “bicudo”, é o do paranaense Duda Bana, que ensaiou em fevereiro um contato definitivo com os brutos de competições, mas acabou adiando para agora o novo passo da carreira.

COPA TRUCK - LUHRS

Um em foto e outro em layout, os Scania da Luhrs Motorsport, dos pilotos Joel Mendes Júnior e Duda Bana

A Original Reis Competições, equipe goiana de pilotos goianos, responde pelo quarto Scania do primeiro grid do ano, o de José Maria Reis, que também é o chefe de equipe. O time assume uma façanha neste início de história da Copa Truck, inscrevendo caminhões de marcas diferentes. O outro, um Ford, tem como piloto Pablo Alves, destaque das competições regionais de Marcas & Pilotos. Há ainda os Ford da DF Racing Fans. Djalma Fogaça e seu filho Fábio são os pilotos das duas máquinas. Fabinho tem sua própria equipe, também com um caminhão Ford, que tem estreia prevista para a segunda etapa, em Campo Grande. A Iveco também tem três caminhões na pista. Além de Andrade pela equipe do “Paraguai”, a marca se faz representar pela Lucar Motorsport, com os pilotos Beto Monteiro e Luiz Lopes.

A Mercedes-Benz se apresenta com dois caminhões. A AM Motorsport, equipe de André Marques, trabalha em ritmo frenético na montagem do equipamento. André, piloto de um dos caminhões, garante que os dois estarão prontinhos da silva a tempo do embarque para Goiânia. Seu companheiro de equipe é Wellington Cirino, piloto de caminhões há duas décadas e também tetracampeão brasileiro. A Volvo, igualmente, chega com dois pilotos em ação. O paranaense Leandro Totti e o gaúcho Régis Boessio são os pilotos da Clay Truck Racing, equipe chefiada pelo também piloto João Marcos Maistro.

Os pilotos da nova Copa Truck não fazem a menor questão de disfarçar a alta expectativa pelo momento. A partir da sexta-feira os caminhões estarão na pista, e a etapa vai ser transmitida no domingo, a partir das três da tarde, pelo canal SporTV 3. A seguir, a lista dos 20 nomes que vão dar início a essa história.

5 – Adalberto Jardim (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições

6 – Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), AM Motorsport

7 – Débora Rodrigues (PR/Volkswagen-MAN), RM Competições

8 – Vinicius Palma (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições

9 – Renato Martins (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições

11 – Rodrigo Belinatti (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições

12 – José Maria Reis (GO/Scania), Original Reis Competições

15 – Roberval Andrade (SP/Iveco), Dakarmotors

27 – Fábio Fogaça (SP/Ford), DF Racing Fans

28 – Danilo Dirani (SP/Scania), RVR Motorsport

33 – Pablo Alves (GO/Ford), Original Reis Competições

35 – David Muffato (PR/MAN), RM Competições

44 – Joel Mendes Júnior (SC/Scania), Luhrs Motorsport

47 – Duda Bana (PR/Scania), Luhrs Motorsport

72 – Djalma Fogaça (SP/Ford), DF Racing Fans

73 – Leandro Totti (PR/Volvo), Clay Truck Racing

77 – André Marques (SP/Mercedes-Benz), AM Motorsport

83 – Régis Boessio (RS/Volvo), Clay Truck Racing/Boessio Competições

88 – Beto Monteiro (PE/Iveco), Lucar Motorsports

99 – Luiz Lopes (SP/Iveco), Lucar Motorsports

Anúncios

13 pensamentos sobre “Copa Truck com 20 caminhões

  1. Pingback: Copa Truck com 20 caminhões inicia a temporada no dia 28

  2. Pingback: Copa Truck inicia a temporada com 20 caminhões no dia 28, em Goiânia

  3. Que maravilha conseguir ver esses monstro da TRUCK, pois quando começou a F Truck, perguntei onde estão os demais pilotos, pois achei muita chata, mas agora os feras estão aí e não vou perder uma corrida sequer, dá-lhe COPA TRUCK.

  4. Fiquei muito feliz em descobrir que está criado a COPA TRUCK, pois as feras desses possantes estão inseridos nesta competição, tomara que haja muito mais adesões, e tem mais vai ser transmitido pela SPORTV, que MARAVILHA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s