8 Horas: equipe definida

8-horas-luc-monteiro

Trouxe um trofeuzinho de Interlagos na última vez que fui correr lá, um terceiro lugar na etapa final do Paulista de Marcas, pela Novatos. A ideia, claro, é receber mais um no sábado à noite.

CASCAVEL – A equipe é uma associação das gaúchas Tuta Racing e Leandro Motorsport. Leva o nome das duas na ficha de inscrição. O carro, um GM Celta, terá o número 66. Os parceiros  serão Alexandre Papazissis, Fernando Fortes e Marcelo Costa. Os rádios para comunicação entre box e pista durante a prova já estão providenciados com a Eucomm Racing. A viagem a São Paulo está marcada para quinta de noite e a volta a Cascavel para domingo de noite. Meus patrocinadores são os de sempre, a Inspevel – Inspeção Veicular de Cascavel e a Casa Wireless.

Bem, acho que não falta mais nada além de acelerar. Está pronta a receita para eu participar, sábado agora, das 8 Horas de Interlagos, e faço sempre questão de frisar que quem chama a corrida assim sou eu, o nome oficial é “Endurance Interlagos”. A largada vai acontecer às quatro da tarde, com chegada à meia-noite e pódio um pouco antes da meia-noite. Sim, é matematicamente possível, já que a bandeira quadriculada vai baixar no PSDP no exato instante em que encerraremos o horário brasileiro de verão, portanto os relógios vão voltar às onze da noite.

Já narrei todos os parceiros. O Fernando, que anda em paz com sua vizinhança em São Bernardo do Campo, já ganhou corridas no Porsche GT3 Challenge e no Mercedes-Benz Challenge. Ganhou também em outras séries onde ainda não meto o bedelho – esteve no time alaranjado que faturou em novembro as 12 Horas de Tarumã, por exemplo. O Alexandre, paulistano, já foi kartista, coisa que voltou a praticar agora para acompanhar o filho nos treinos, e piloto de arrancada. Passou a competir de Marcas & Pilotos há uns 12 ou 13 anos, ganhou corridas no Paulista da categoria Light, disputou algumas edições do Festival Brasileiro e também fez participações na Spyder Race. O Marcelo é de Niterói. Foi campeão no Carioca de Marcas, onde correu em 2013 e 2014, e fez algumas participações no Paulista de 2015. Vê-se que estou bem servido de parceiros.

Vai ser a primeira edição da corrida. O Interlagos Motor Clube está trabalhando em ritmo quase diuturno para atingir a meta de fazer com que esse primeiro grid tenha pelo menos 30 carros – todos eles da categoria Marcas & Pilotos 1.6, como já ocorre na nossa Cascavel de Ouro. Não haverá divisão por categorias, não nessa primeira edição, e os cinco primeiros quartetos estarão no pódio. Bem, podem não ser necessariamente quartetos. Sei de pelo menos dois casos em que as oito horas de disputas serão cumpridas por duplas, haverá alguns trios, também.

No nosso caso, seremos quatro. Esperamos aparecer na fotografia do pódio. E era isso por hoje.

8-horas-os-parceiros

Alexandre Papazissis (na foto com seu antigo chefe de equipe Leandro Romera), Fernando Fortes e Marcelo Costa. Serão eles meus parceiros – ou “teammates”, como dizem – nas 8 Horas de Interlagos.

Anúncios

Um pensamento sobre “8 Horas: equipe definida

  1. Pingback: 8 Horas: speed on line no Speed On Line – BLuc

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s