Na íntegra: Brasileiro de Turismo 2016, 1/15

277143_582141_fer_3497PINHAIS – É a primeira vez que abro uma série do “Na íntegra” sabendo que ela vai terminar o ano incompleta. Explico.

A quarta temporada do Campeonato Brasileiro de Turismo, que começou ontem aqui no Autódromo Internacional de Curitiba, será composta por 15 corridas. Sete rodadas duplas, sempre com uma prova no sábado e outra no domingo, e mais uma corrida isolada, de maior duração e valendo pontos em dobro, no encerramento da temporada, daqui a quase nove meses.

As oito corridas do domingo terão sido transmitidas pelos canais SporTV. A mais longa em Interlagos, tal qual ocorreu com a de hoje aqui em Curitiba, ou aqui em Pinhais, será mostrada ao vivo; as seis demais, em VT na noite da terça-feira subsequente à sua realização.

Mas trata-se de rodadas duplas, como ocorreu em quatro dos oito eventos do ano passado, e o público da categoria cobra do Gerson e do Gue Marques a disponibilização de um meio para acompanhar tudo – o público de corridas é seleto e exigente, digo isso sempre. Diante disso, as corridas que abrem cada rodada dupla serão todas mostradas ao vivo no YouTube, no canal próprio da categoria. É aí que eu entro na conversa: fiz ontem a narração da prova que deu início ao campeonato, tendo o Gerson como comentarista e seu primo Robson Marques como repórter. A trinca, tudo indica, será mantida no restante da temporada.

E são as corridas dos sábados que vão compor a série. Não há, até onde eu saiba, liberação do SporTV para que as corridas mostradas pelo canal sejam postadas na internet – se houver, virão aqui para o blog também, com todos os devidos créditos. Fiquemos, portanto, com a prova de ontem, primeira das 15 do calendário.

Estar com o Gerson Júnior e o Gue tem um significado especial para este que vos escrevem. Foram eles, afinal, os primeiros promotores de uma categoria nacional a me confiar os microfones de seu evento, isso em fins de 2003, quando estreei no ofício como locutor de arena de sua Pick-up Racing. Fui ao Rio de Janeiro narrar para o público presente – era uma galera considerável, diga-se – treinos e corrida do encerramento da temporada, e desde então narrar corridas passou a ser meu meio de vida, primeiro para as arquibancadas, depois para o público da televisão e para a internet. Aquela corrida em Jacarepaguá acabou sendo a última da vida do Gersão, pai dos dois, criador da Pick-up Racing.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Na íntegra: Brasileiro de Turismo 2016, 1/15

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s