A posição da SPTuris

CASCAVEL – Semana passada falei aqui no blog sobre a ausência de Interlagos no calendário de etapas da Fórmula Truck, a partir de uma carta emitida pela presidente da categoria, Neusa Navarro.

A situação motivou, também, a emissão de uma nota oficial da São Paulo Turismo, ou SPTuris, expondo seus quês e porquês a respeito do conflito de datas que culminou na transferência da corrida final da Truck de São Paulo para Londrina. Reproduzo na íntegra a nota que me foi encaminhada pela Assessoria de Comunicação da SPTuris.

INTERLAGOS

NOTA OFICIAL

A São Paulo Turismo, que administra o Autódromo de Interlagos, tem total transparência em relação aos processos de elaboração de proposta e contrato, que são de conhecimento de todos os promotores de eventos no local. Ainda em 2014, a administração do Autódromo recebeu correspondências das empresas interessadas em datas para o ano seguinte.

No final de setembro de 2014, a Vicar, que organiza a Stock Car, enviou solicitação das datas 29/11, 06/12 e 13/12/2015 para realização das etapas correspondentes às suas categorias.

Quase um mês depois, no final de outubro de 2014, a empresa que organiza a Fórmula Truck enviou apenas um pedido para realizar a etapa de São Paulo da Fórmula Truck no dia 06/12/2015. Em nenhum momento a SPTuris aprovou esta solicitação.

Diante do conflito de datas, a SPTuris fez consulta à presidência da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), entidade máxima reguladora da modalidade no país às quais as duas categorias são filiadas, solicitando orientações sobre como proceder, já que o calendário de todas as modalidades são previamente submetidos à aprovação da referida entidade. A CBA transmitiu a decisão à SPTuris que levou em consideração três fatores para manter a data para a Stock Car: a antecedência do pedido feito pela Stock Car (realizado em setembro de 2014, enquanto que a Fórmula Truck o fez em outubro, portanto um mês depois), manter o período tradicionalmente reservado pela Stock que organiza sua prova no final do ano e, por último, porque no ano anterior a Stock também não pode realizar a sua prova em Interlagos – devido às obras – o que acabou acontecendo no circuito de Goiânia.

Como a organização da Stock também promove outros eventos diferenciados, aproveitaram o período de montagem na semana anterior para realizar um festival de música.

Portanto, desde o início de 2015 a organização da Fórmula Truck já sabia e havia sido comunicada sobre a indisponibilidade da data de 06/12/2015. A SPTuris ainda ofereceu aos promotores da Truck a possibilidade de realização do evento nos dias 19 e 20/12/2015, que inicialmente foi aceito.

Nesse caso, o início das montagens deveria ser coordenado com a organização da Stock Car (Vicar), mas posteriormente a própria representante da Fórmula Truck, Neusa Navarro, informou em conversa que as datas não estariam de acordo com as necessidades da categoria e por isso não manifestaram interesse.

Sendo assim, nem mesmo a proposta de locação de áreas foi encaminhada para posterior elaboração de contrato, não havendo nenhum tipo de cobrança de taxa nem pendência financeira da mesma com a SPTuris.

Assessoria de Comunicação

São Paulo Turismo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s