Cascavel de Ouro: as estrelas da festa (2)

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

CAMPO GRANDE – A foto aí de cima, da lavra do Sérgio Sanderson, não foi tirada durante uma Cascavel de Ouro. Mas é do carro com que, em 1987, o Aloysio Ludwig Neto venceu a 14ª edição da Cascavel de Ouro. A preparação era de Irineu Zini, o saudoso Chicão, e vemos que entre os patrocínios do então garoto de 20 anos havia a Radiadores Fórmula 1, nome que segue no meio até os dias de hoje.

Aloysio voltaria a ganhar a corrida mais tradicional do Paraná 16 anos depois, revezando com o Flávio Poersch a pilotagem de um Voyage, da equipe Sorbara Motorsport. Agora, em 2015, ele busca igualar Pedro Muffato e Emílio Weiss, que ganharam a corrida três vezes, cada – sem contar o Edgar Favarin, recordista com sete cobrinhas de ouro.

Na 29ª edição, que vai premiar os vencedores com um carro zero quilômetro no dia 25 de outubro, Aloysio terá como parceiro o Wanderley Faust. Os dois vão acelerar um dos Ford Fiesta da Sérgio Ferrari Racing Team. A dupla foi formada pouco mais de dez dias atrás, lá mesmo nos boxes do autódromo de Cascavel, durante os treinos para a quarta etapa do Metropolitano de Marcas & Pilotos.

Anúncios

Um pensamento sobre “Cascavel de Ouro: as estrelas da festa (2)

  1. Pingback: O grid da Cascavel de Ouro | BLuc

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s