Longa duração

ENDU 2CASCAVEL – Saudades desse carro. O Audi R8 LMS da Ebrahim Motors, carro de tantas das corridas do finado Brasileiro de Gran Turismo que narrei na Rede TV! e na Band e também para o público dos autódromos de vários cantos do Brasil.

Bem, o carrinho (“carrinho”?) volta à cena neste fim de semana, para alegria do Fábio e do Wagner, os irmãos Ebrahim, que vão revezar sua pilotagem nos 800 Quilômetros de Curitiba. É um dos carros mais pomposos do evento, sem dúvida alguma, o que não quer dizer, acho, que seja o franco favorito à vitória.

Essas corridas de longa duração têm de tudo na pista. Essa foto aqui abaixo, que mostra um dos treinos livres de hoje, traduz bem o que digo: o carro 40 é o Aldee da família Pardo, que o Admir vai revezar com os filhos André e Diego; o 35, o protótipo Predador da família Bana, que terá o Jair e seu filho Duda no cockpit, cada qual a seus turnos.

ENDU 1

Os treinos de hoje tiveram 21 carros na pista. Devem aparecer mais alguns a partir da programação de amanhã, nada que faça o grid romper a casa das 25 máquinas. Não é mau, para um início de história. A Força Livre, que assina a organização do evento, tem remado há meses para fazer o melhor possível e, mesmo em época pouco convidativa a empreitadas do gênero, é de se supor que a corrida de domingo represente o início de uma história longeva. Lembro bem quando estive em Londrina em 1992 na primeira edição das 500 Milhas, o que à época soou como obra de malucos – talvez fosse, mesmo – e que desde então encerra o calendário paranaense de automobilismo ininterruptamente. A edição de dezembro próximo será a 24ª. Quase fiz as malas para Curitiba, acabei esbarrando numa querelinha e fiquei pelas bandas de cá.

A largada dos 800 Quilômetros de Curitiba, no domingo, será dada às 11h. Haverá corridas preliminares com os Omega da Turismo 5000 e os monopostos da Fórmula 1600. A corrida terá até transmissão ao vivo pela internet – além do site da própria Força Livre, a transmissão estará disponível também nas páginas da Rádio Autódromo e da High Speed Brazil, no blog Velocidade Curitiba, da Cíntia Azevedo, e no site da Fórmula 1600.

E já que falei em equipes formadas por pais e filhos, não custa lembrar que o Raijan Mascarello, que correu de protótipos a vida inteira antes de migrar para as corridas de GT para, no fim, terminar na Fórmula Truck, terá nos 800 KM a inédita oportunidade de disputar uma corrida em dupla com Vitor, seu filho. O carro deles é o protótipo número 78, esse da foto aí abaixo – que, como as demais do post, foi produzida e cedida ao blog pelo Nei Quadros.

ENDU 3

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s