#DataLuc na GT Premium

CASCAVEL – Adotar ou não pontuação de bonificação ou descarte obrigatório de resultados não abona e nem desabona qualquer categoria de automobilismo. Mas as que não têm nenhum desses artifícios, caso do Sudamericano de Gran Turismo, facilitam bastante a vida do #DataLuc nas quase sempre inúteis projeções sobre combinações de resultados para que esse ou aquele seja o campeão de uma temporada.

O GT Sudam, e o eu chamo assim à revelia de todo mundo, terá neste fim de semana, sábado e domingo, as corridas da sétima e penúltima rodada dupla. Evento inédito fora do Brasil, vai ser no traçado número 8 do Autódromo Juan y Oscar Gálvez, em Buenos Aires. Pode ser que o comboio volte da Argentina no domingo à noite, ou na segunda-feira cedo, já com os títulos das três categorias já definidos.

Imagem

A decisão mais iminente é a da categoria GT Premium, a que preserva os modelos que compuseram o grid nos primeiros anos da competição no Brasil, de 2007 a 2010. Dá até para arriscar que Pierre Ventura e Cristiano “Tigrinho” de Almeida já estejam preparando a festa do título para o sábado à noite. Um único ponto, dos 80 que estarão em disputa até o fim do campeonato, basta-lhes para assegurar o título, mesmo que os vice-líderes paulistas Marçal Melo e Alex Fabiano conduzam o Porsche 911 S número 33 da Mundo Motorsport a quatro vitórias. Terminar uma das corridas entre os que marcam pontos, portanto. Mais: qualquer resultado diferente de vitória de Marçal e Alex dão o campeonato aos gaúchos sempre bem-humorados.

Pilotos do Lamborghini LP520 número 10 da BSC Racing, Tigrinho e Pierre somam nada menos que oito vitórias em 12 corridas já realizadas. Ganharam as duas de Curitiba, as duas de Tarumã, a primeira de Interlagos – na segunda, Almeida perdeu a vitória na linha de chegada, na última volta, numa ultrapassagem que rendeu a Marçal Melo o aplauso de Roberto Pupo Moreno, na ocasião atuando comigo e com o Tiago Mendonça na transmissão ao vivo pela Band –, as duas da volta da categoria a Curitiba e a primeira da etapa do início do mês no Velopark. Na abertura do campeonato, no Anhembi, somaram dois terceiros lugares. Melo e Fabiano ganharam a primeira corrida do Anhembi, e a segunda de Interlagos, com a já citada ultrapassagem aos 48 do segundo tempo. A dupla gaúcha Vilson Júnior/Paulo Rutzen levou o Lamborghini LP520 da Mottin Racing à vitória na segunda corrida do Anhembi. Na última corrida, que fechou a rodada dupla no Velopark, os gêmeos gaúchos Vinicius e Felipe Roso comemoraram a vitória com a Ferrari F430 da equipe Metasa.

Imagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s